Êxodo 40

1 E o SENHOR falou a Moisés, dizendo:

2 No primeiro dia do mês primeiro farás levantar o tabernáculo, o tabernáculo do testemunho:

3 E porás nele a arca do testemunho, e a cobrirás com o véu:

4 E meterás a mesa, e a porás em ordem: meterás também o candelabro e acenderás suas lâmpadas:

5 E porás o altar de ouro para o incenso diante da arca do testemunho, e porás a cortina diante da porta do tabernáculo.

6 Depois porás o altar do holocausto diante da porta do tabernáculo, do tabernáculo do testemunho.

7 Logo porás a pia entre o tabernáculo do testemunho e o altar; e porás água nela.

8 Finalmente porás o átrio em derredor, e a cortina da porta do átrio.

9 E tomarás o azeite da unção e ungirás o tabernáculo, e tudo o que está nele; e lhe santificarás com todos os seus utensílios, e será santo.

10 Ungirás também o altar do holocausto e todos os seus utensílios: e santificarás o altar, e será um altar santíssimo.

11 Também ungirás a pia e sua base, e a santificarás.

12 E farás chegar a Arão e a seus filhos à porta do tabernáculo do testemunho, e os lavarás com água.

13 E farás vestir a Arão as vestimentas sagradas, e o ungirás, e o consagrarás, para que seja meu sacerdote.

14 Depois farás chegar seus filhos, e lhes vestirás as túnicas:

15 E os ungirás como ungiste a seu pai, e serão meus sacerdotes: e será que sua unção lhes servirá por sacerdócio perpétuo por suas gerações.

16 E Moisés fez conforme tudo o que o SENHOR lhe mandou; assim o fez.

17 E assim no dia primeiro do primeiro mês, no segundo ano, o tabernáculo foi erigido.

18 E Moisés fez levantar o tabernáculo, e assentou suas bases, e colocou suas tábuas, e pôs suas barras, e fez erguer suas colunas.

19 E estendeu a tenda sobre o tabernáculo, e pôs a cobertura encima do mesmo; como o SENHOR havia mandado a Moisés.

20 E tomou e pôs o testemunho dentro da arca, e colocou as varas na arca, e encima o propiciatório sobre a arca:

21 E meteu a arca no tabernáculo, e pôs o véu da tenda, e cobriu a arca do testemunho; como o SENHOR havia mandado a Moisés.

22 E pôs a mesa no tabernáculo do testemunho, ao lado norte da cortina, fora do véu:

23 E sobre ela pôs por ordem os pães diante do SENHOR, como o SENHOR havia mandado a Moisés.

24 E pôs o candelabro no tabernáculo do testemunho, em frente da mesa, ao lado sul da cortina.

25 E acendeu as lâmpadas diante do SENHOR; como o SENHOR havia mandado a Moisés.

26 Pôs também o altar de ouro no tabernáculo do testemunho, diante do véu:

27 E acendeu sobre ele o incenso aromático; como o SENHOR havia mandado a Moisés.

28 Pôs também a cortina da porta do tabernáculo.

29 E colocou o altar do holocausto à porta do tabernáculo, do tabernáculo do testemunho; e ofereceu sobre ele holocausto e oferta de cereais; como o SENHOR havia mandado a Moisés.

30 E pôs a pia entre o tabernáculo do testemunho e o altar; e pôs nela água para lavar.

31 E Moisés e Arão e seus filhos lavavam nela suas mãos e seus pés.

32 Quando entravam no tabernáculo do testemunho, e quando se traziam ao altar, se lavavam; como o SENHOR havia mandado a Moisés.

33 Finalmente erigiu o átrio em derredor do tabernáculo e do altar, e pôs a cortina da porta do átrio. E assim acabou Moisés a obra.

34 Então uma nuvem cobriu o tabernáculo do testemunho, e a glória do SENHOR encheu o tabernáculo.

35 E não podia Moisés entrar no tabernáculo do testemunho, porque a nuvem estava sobre ele, e a glória do SENHOR o tinha enchido.

36 E quando a nuvem se erguia do tabernáculo, os filhos de Israel se moviam em todas suas jornadas:

37 Porém se a nuvem não se erguia, não se partiam até o dia em que ela se erguia.

38 Porque a nuvem do SENHOR estava de dia sobre o tabernáculo, e o fogo estava de noite nele, à vista de toda a casa de Israel, em todas as suas jornadas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário